5 livros de jovens autores potiguares para ter na sua estante

A literatura potiguar tem em seu repertório grandes nomes que foram eternizados, como é o caso de Deífilo Gurgel, Ferreira de Itajubá, Câmara Cascudo e Nísia Floresta. Mas as terras de Poti também têm uma nova leva de jovens autores que merecem seu tempo e atenção. Listamos aqui 5 obras de escritores da terrinha para adicionar a sua biblioteca com poesias, reportagens e crônicas.

Valdetário Carneiro - A essência da Bala

O livro conta a história de um dos maiores bandidos - para muitos, herói - do alto oeste potiguar Membro do clã dos Carneiro, conhecida família de Caraúbas, no Rio do Grande do Norte, abandonou a vida pacata de mecânico para se tornar um dos criminosos mais perseguidos do nordeste. A trajetória de Valdetário é contada no livro-reportagem produzido pelos jovens jornalistas natalenses Paulo Nascimento e Rafael Barbosa.

A princesa empoderou

Inquieta e sagaz, Alice Carvalho teima em olhar para o outro lado enquanto todas as pessoas do mundo insistem em só ver o óbvio. Misturando ingredientes como humor, ironia e sarcasmo com indignação e revolta genuínas, Alice apresenta crônicas fortes, intensas e também sensíveis. Temas como feminismo, machismo, homofobia e hipocrisia não passam despercebidos por sua escrita.

Dois no mundo

“E se a gente largasse tudo para viajar pelo mundo?”. Karla Larissa fez a pergunta sem esperar que fosse receber, imediatamente, um “sim”. Seis meses depois, em abril de 2013, o casal Karla Larissa e Fred Santos se desfizeram do que tinham e saíram para uma viagem de volta ao mundo. Com a experiência, eles descobriram um outro modo de viver. Em "Dois no Mundo", a autora reúne as histórias das viagens, os momentos mais tocantes e engraçados, suas reflexões, os aprendizados com os amigos que fizeram e os estranhos ímpares que cruzaram o seu caminho.

Bandeira de Trapos

O livro-reportagem de Themis Lima é uma viagem pela América Latina e os encontros que dela decorrem. A autora percorreu quatro países durante 9 meses e a partir dessa experiência contou histórias de pessoas com as quais encontrou durante a jornada.

Paneloviski

Paneloviski é o apelido do jornalista Marcelo Tavares. Foi com esse nome que ele passou a assinar seus textos, em sua página no Facebook, a partir de fevereiro de 2014. Dois anos e mais de 136 mil fãs depois, Paneloviski virou livro. São duzentas páginas com suas minicrônicas, muitas delas inéditas, que narram histórias do cotidiano. Relacionamentos, conquistas, sensualidade, encontros, desencontros, amizade e muitos outros temas ganham espaço com bom humor e leveza na sua prosa poética.

Entidades Parceiras